how to write research paper with example freeessaywriter how to write a letter via email
how to write an essay for scholarship examples https://www.paperhelp.nyc/ how to write lab report

Melhor preço garantido

Apartamento executivo com um quarto e vista

Apartamento com 72 m², com capacidade para duas a quatro pessoas, no 3º piso, com um quarto, sala de estar e de refeições, kitchenette completa e pequena varanda, donde se pode ver o rio.

Apartamento Vieira da Silva (401)

Tamanho: 72m²
Capacidade: de 2 a 4 adultos  (2 camas individuais grandes; 1 sofá cama para 2 adultos)
1 berço grátis para criança até 3 anos
Localização: 3º Piso frente
Apartamento completamente equipado, com serviço gratuito de 2 em 2 dias de troca de toalhas, recolha de lixo e pequena limpeza.
Apartamento
 
Internet sem fios gratuita! Partilhe a experiência com amigos e familiares através do Facebook ou WhatsApp!
Wi-Fi
 
Sozinho, com amigos ou em família. Fale connosco para soluções personalizadas.
Hóspedes:
2 a 4 adultos
Televisão por cabo até 40 canais.
Televisão
 
  • Casa-de-banho privada com duche
  • Secador
  • Amenidades da Saboaria Portuguesa
  • Roupa de cama em puro algodão Percall
  • Toalhas em 100% algodão
  • Ar condicionado
  • Internet wifi grátis
  • Televisão LCD com canais por cabo
  • Cofre grátis
  • Rádio
  • Leitor de CD
  • Sofá cama para 2 adultos
  • kitchenette totalmente equipada
  • Frigorifico
  • Máquina de café/Chá
  • Micro-ondas
  • Máquina de Lavar Louça
  • Placa de fogão
  • Torradeira
  • Chaleira Eléctrica
Quem foi Vieira da Silva:

Maria Helena Vieira da Silva (1908-1994), Filha única de uma família da alta burguesia, estudou desenho, pintura e escultura. Em 1928 partiu para Paris onde frequentou aulas de escultura na Academia da Grande Chaumière. É neste lugar que conhece, em 1929, Arpad Szenes, com quem irá se casar em 1930.

Em 1931, os dois artistas iniciam-se na técnica da gravura no Atelier 17 de Hayter, lugar no qual convivem com os Surrealistas. Vieira da Silva revela desde cedo especial atenção ao espaço e à profundidade.

A década de 50 traz a Vieira da Silva inúmeras exposições importantes em França e no estrangeiro. Em 1956, Vieira da Silva e Szenes naturalizam-se franceses e, durante a década de 60, o estado francês adquire obras suas e atribuí-lhes várias condecorações. Vieira da Silva acumula vários prémios internacionais e, a partir de 1958, organizam-se restrospetivas da sua obra, por toda a Europa.

Em 1983, altura em que já é considerada como uma das mais importantes pintoras europeias da segunda metade do século XX, Vieira da Silva é convidada pelo Metropolitano de Lisboa para decorar a estação de metro “Cidade Universitária”. Em 1990, em Lisboa, é criada a Fundação Arpad-Szenes Vieira da Silva, mas a artista viria a morrer sem assistir à inauguração do seu museu.

Vieira da Silva (1908 – 1992)

Réserve